deus, férias, ironia, madrid, obrigações, paris, transcendência, trem, viagem

DE NATVRA VACATIONIBVS

Estacao+iluminada

Dizem alguns religiosos que Deus descansou no sétimo dia para dar um exemplo à humanidade. Como o Criador, a criatura precisa repousar eventualmente, esquecer um pouco sua realidade quotidiana, recuperar as forças, tomar um tempo para vadiar e admirar as maravilhas da criação. Muito bem. Compreendo que isso funciona muito bem com o Altíssimo; afinal, ele é todo-poderoso e, ao voltar de seu descanso, não tem dificuldade em cumprir todas as eventuais pendências.
Mas para nós, finitos e imperfeitos, a coisa se dá de maneira bem diversa. A não ser que você tenha menos de dez anos de idade, o mundo real simplesmente não considera a hipótese de parar sua marcha ensandecida só porque você tirou uma semaninha de férias. Pelo contrário, parece que todos aqueles que puderem cobrar ou pedir algo de você receberão pelo correio um aviso de que, da noite para o dia, seu estoque de horas livres se multiplicou. Do ponto de vista deles, ao infinito.
Como não poderia deixar de ser, esse detalhe fere um princípio muito caro a você, segundo o qual as horas livres têm essa denominação porque, supostamente, serão livres. Pouco importa. A lógica é um campo que perde facilmente toda sua relevância quando interesses maiores estão em jogo. Todo mundo sabe.
Não se trata de uma maldade coletiva, nada disso. É o próprio balé das ditas “coisas” (e que coisas serão essas, ó raios?!) que não admite o abandono, ainda que temporário, de um de seus bailarinos. No caso, você. Que, não agüentando mais o acúmulo de funções e horários, pediu um momento para retomar o fôlego e deixou de braços cruzados uma infinidade de parceiros. Apenas, seguindo seu destino natural, esses parceiros ficam com as pernas formigando e não o deixam descansar.
Sem querer parecer místico, devo confessar que sou daqueles que reconhecem uma enorme ironia em algumas particularidades inescapáveis da existência. Alguém, ou algo, se diverte muito às nossas custas. Garanto. Mas, como não quero converter ninguém a religião alguma, até muito pelo contrário, prefiro calar sobre esse assunto e aceitar em silêncio as gargalhadas da transcendência.
Chego em casa após uma viagem de menos de uma semana, e já me assusto com as obrigações empilhadas sobre meus ombros, cujos prazos foram, em geral, marcados para os últimos dias. Conformado, saco minha agenda e corto algumas horas que tinha reservado para o sono. Ao contrário do que crêem os médicos, dormir não é assim tão indispensável. Entre o cadafalso e as olheiras, ora, fico com as olheiras.
A todos que me cobraram ou pediram alguma coisa, não se preocupem. Hei de responder, ainda que esgote no processo minha última gota de sangue.
Percebo agora que acabaram-se minhas férias, com que sonhei durante meses e que, apesar dos percalços e das conseqüências aparentemente funestas, valeram muito a pena. Agora, tudo que eu mais quero são, e não podia ser outra coisa, férias.
Anúncios
Padrão

7 comentários sobre “DE NATVRA VACATIONIBVS

  1. Oº°'¨ Jefferson ¨'°ºO disse:

    Depois da bonança, vem a tempestade!E quem disse que Deus descansou? Quando viu que incontáveis seres humanos começaram a rezar dia e noite, noite e dia, em feriados, férias e eclipses, somente pedindo, pedindo e pedindo. E o pior, a maioria dos pedidos já vão com prazo: o quanto antes, se der, pra ontem.No fundo, não somos tão desiguais, já que, à sua imagem e semelhança, fingimos que descansamos e os outros fingem que não vão nos azucrinar dobrado depois.

    Curtir

  2. Gabriela Simionato Klein disse:

    Se não gostasse tanto de ler seus textos, até ficava com peninha. Mas nada disto. Só dorme depois de postar!

    Curtir

  3. Lu disse:

    Caro Paulo, eu cá duvido que o Altíssimo tenha descansado. De mais a mais só posso rir contigo (e não de ti!) – porque chorar envelhece e não ajuda a cumprir prazos – e desejar que novas férias venham.;o)

    Curtir

  4. Kandy disse:

    Esse é o gosto das férias: querer sempre mais férias!Olha que legal: nossos blogs nasceram no mesmo mês e ano! E você gosta da Amelie Poulain! 😉

    Curtir

  5. a comentarista disse:

    QUem tem muita obrigação, também ganha muito dinheiro…ahahaha…vai com calma, tudo entrará nos eixos rapidinho,beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s